Higiene canina
 
   Cães
   Cães
   Raças de cães
   Cuidados e alimentação
   Alergias caninas
   Alimentação dos cães
   Cuidados com os cachorros
   Cuidados com os cães
   Higiene canina
   Alimentação dos cachorros
   Conselhos alimentares
   Obesidade canina

   Gatos
   Os gatos
   Raças de gatos

   Cavalos
   Os cavalos
   Raças de cavalos

   Mamíferos
   Coelhos
   Elefantes
   Esquilos
   Hamsters
   Lobos
   Macacos
   Morcegos
   Ursos

   Mamíferos marinhos
   Baleias
   Focas
   Golfinhos
   Orcas

   Felinos
   Leões
   Leopardos
   Linces
   Tigres

   Répteis
   Crocodilos
   Iguanas
   Serpentes
   Tartarugas

   Mundo marinho
   Peixes
   Tubarões

   Aves
   Águias
   Pássaros
   Pinguins

   Insectos
   Borboletas
   Formigas

   Animais
   Animais famosos
   Cuidados de animais
   Curiosidades sobre animais

   Imagens
   Desenhos
   Fotos
   Fundos de Ecrã
   Imagens graciosas
   Gifs animados


Higiene canina
52

Higiene caninaA higiene é importante tanto para nós como para eles. Não é apenas questão de aparência, mas também questão de saúde. Um cão limpo melhor a sua aparecia, mas também previne doenças, o que contribui para o seu bem-estar em geral, físico e psicológico. A limpeza do animal é mais fácil do que pensas. Segue os seguintes conselhos que te apresentamos.

Ao escovar o cão, começa com um pente de dentes espaçados e escove desde da cabeça até à cauda, seguindo essa direcção. Ao fazer, verifica se o animal tem pulgas, tumores ou nódulos suspeitos. Ao utilizar o pente de dentes espaçados primeiro, evitarás puxar o pêlo do animal forçadamente e ele ficará mais tranquilo. Depois, escove o animal com a ajuda de uma escova de metal feita especialmente para retirar o pêlo solto da pelagem. Nunca utilizes tesouras para cortar os nós, pois corres o risco de também cortar a pele do animal.

Uma vez escovado, passemos à higiene auricular. A limpeza das orelhas também faz parte dos cuidados regulares de higiene, apesar de na maioria dos caos não ser necessário uma limpeza diária das orelhas. Mas sim, há que examiná-las regularmente e, se encontrarmos uma grande quantidade de pêlos ou bocados de cera, devemos limpar. Apesar de ser possível utilizar álcool para fazer essa limpeza, é preferível adquirir um destes produtos de limpeza no veterinário visto que os mesmos são especializados e trazem menos riscos. Evita usar algodão para limpar as orelhas, pois existe o risco de danificar os tímpanos do animal. Mais vale utilizar um pouco de tecido suave ao redor do dedo indicador e limpar todo o canal auricular.

Os banhos dos cães deveriam realizar-se apenas por necessidade. A frequência destes dependem dos animais e das condições, e o mais apropriado é consultar um veterinário acerca deste respeito. Durante o banho, nunca utilizes champô humano para lavar o cão. A pele dos cães é muito mais sensível do que a nosso, e nesse sentido o nosso champô pode irritar-lhes gravemente a pele. Aliás, secam o pêlo do cão e favorecem a formação de escamações de pele.

E terminamos com o corte das unhas. Este corte contribui para a saúde das patas e garante que o teu cão estará à vontade para andar e correr. Ignorar este facto poderá fazer com que o animal fique com as unhas encarnadas, com a possibilidade de ficarem infectadas e isso faz com que o cão sofra. O veterinário poderá mostrar como cortar as unhas do cão se o magoar.

Imprimir artigo Enviar artigo
Tags:   alimentação, beleza, cuidados, cães, higiene, saúde
Contacto MundoEntrePatas.com. O teu portal sobre os animais: cães, gatos, esquilos, coelhos, hamsters...
Condições de uso